Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Ainda não acabei

"Quem lamenta as suas perdas, olha para os seus próprios pés. E quem olha para os seus pés, acha que o mundo é do tamanho dos seus passos." August Cury

"Quem lamenta as suas perdas, olha para os seus próprios pés. E quem olha para os seus pés, acha que o mundo é do tamanho dos seus passos." August Cury

Notas soltas


Observo um mundo que teima em correr, que teima em impor a máxima, que tudo nas nossas vidas é fugaz, é passageiro e com um gosto momentâneo...
E parece que tudo à nossa volta assenta sobre estes pilares. Em pilares que não te pedem uma vida com qualidade mas sim com quantidade. Uma quantidade tantas vezes sem sabor e vazia de sentido.
E é nesta melodia dessincronizada que são passando os nossos dias...
Dias que deviam ser marcantes e não apenas uma sucessão de algo que aceitamos e pronto!
Mas um dia percebemos, que para se observar a beleza de um sorriso, é preciso parar para o captar!
Que para se amar de verdade, é preciso ter tempo para partilhar com a outra pessoa aquilo que somos!
Que não se pode sentir saudades de algo ou alguém quando não temos momentos de paz e não se faz um encontro pessoal com a nossa pessoa e as com as nossas crenças!
E por muito que nos custe, iremos perceber que não conseguimos ajudar um amigo, porque não lhe demos espaço e tempo para que ele o fizesse...
E nesse dia percebemos que o tempo passou por nós e não o contrário. Sentimos um vazio, uma frustração e é nesse momento que desejámos poder voltar atrás e mudar as coisas que fizemos ou que dissemos...
Mas é tarde... Tarde demais!
E por isso, não vale a pena continuar a tocar esta melodia, que é a nossa vida, desta forma tão apressada e sem sabor...
Porque senão um dia, irão surgir duas perguntas dentro de nós:

Até quando?

Para quê?

Pensa, tu podes mudar!
Tu podes escolher!
Basta querer!

Uma braçada amiga

9 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Sigam-me

Calendário

Agosto 2008

D S T Q Q S S
12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31