Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Ainda não acabei

"Quem lamenta as suas perdas, olha para os seus próprios pés. E quem olha para os seus pés, acha que o mundo é do tamanho dos seus passos." August Cury

"Quem lamenta as suas perdas, olha para os seus próprios pés. E quem olha para os seus pés, acha que o mundo é do tamanho dos seus passos." August Cury

Continua...


E a vida não é mais do que isso…

Um simples mas terrível jogo…

Onde cada um dos interveniente aposta alto…

Onde não se olha a meios para atingir fins…

Onde não existe tempo para saudosismos…

Onde parar pode significar desistir…

Onde jogar implica arriscar…

Onde precisas de coragem e valentia...

Onde é preciso ser forte e humilde...

Onde cada segundo pode ser um pedaço de eternidade ou apenas mais um…

Onde é preciso perceber que se pode perder ou ganhar...

Mas perceber que no fim...

Ficará sempre esta expressão...

“The winner takes it all”

Por isso, só te resta continuar a jogar...

Uma braçada amiga

Pressinto que...



Existe qualquer coisa diferente,
Quando um abraço é sentido.
E um olhar é preenchido.

Existe sempre um sentido,
Quando um coração é tocado.
E um beijo é trocado.

Existe sempre uma magia,
Quando um sentimento brota.
E uma mão se toca.

Existe sempre um lugar,
Quando um sorriso é sincero.
E um gesto é primeiro.

Existe sempre uma força,
Quando um medo se rasga.
E uma palavra que não se apaga.

Existe sempre um começar,
Quando uma Verdade nos conduz.
E um sonho nos seduz.

Existe sempre uma nostalgia,
Quando uma lágrima cai.
E um amigo se vai.


Uma braçada amiga

"Universos paralelos"...



E ela chega lentamente,
Quase sem percebermos,
Aceitamo-la.
E então tudo parece ser mágico.

È com ela,
Que chegam sonhos,
Que os mais variados pensamentos ganham forma.
Onde sentimentos se soltam,
E desejos são libertos.
Confiam-se segredos.
Entregam-se corpos ardentes de paixão.

Mas é também um momento,
Onde nos invade uma paz interior.
Onde se pensa no dia que passou e no que está para chegar.
E se carregam baterias.
Se traçam as metas que devemos atingir no dia seguinte.
É um tempo para estarmos com a família,
Mas também onde precisamos de estar sós.

E é neste espaço de tempo,
Que tantas vezes os opostos se tocam,
Que a nossa vida ganha novas cores!
Que determinados lugares ganham beleza!
Que certo estilo de música nos tocam...

Porque a noite,
será sempre um misto de mágico e de mundano...

Uma braçada amiga

Hoje, apenas hoje...

" A felicidade não nasce feita.
Faz-se a cada minuto... momento a momento.
Ela é uma conquista que se renova a cada dia
E alimenta-se da soma de todos os dias
Em que trabalhamos interiormente
Para nos realizarmos mais e mais...

Cada acto do nosso dia-a-dia
Deve ser praticado cuidadosamente,
Como se fosse o último...

A vida não é mais que a preparação da eternidade.
Urge, pois, não perdermos tempo com coisas efémeras
E preocuparmo-nos com o "agora" das nossas vidas.
Este é o único momento que nos pertence,
Por isso é tão importante vivê-lo
Com a dignidade de filho de Deus...

Viver bem cada instante,
Pautando o nosso ser e o nosso agir
Através da nossa consciência,
Faz-nos viver com dignidade o momento presente,
Que é a única gota de tempo
De que dispomos para viver...

Se vivermos no passado... que já morreu...
Se vivermos no futuro... que ainda não chegou...
Corremos o risco de perdermos também o presente...
E não vivemos!... mas vegetamos!... "

Ana Paula Bastos in "O amor não se diz"

Uma braçada amiga

Janelas mágicas...


Elas já foram de estanho cobertas de um derivado de petróleo;
Elas já tiveram que esperar mais de oito horas ao sol;
Elas já foram de prata numa placa de estanho;
Elas já usaram folhas de folhas de papel cobertas de cloreto de prata;
Elas já foram gravadas em filme fotográfico;
Elas já podem ser guardadas em cartões de memória;
Elas já foram registadas em preto e branco;
Elas já foram de papel;
Elas hoje são virtuais;
Elas hoje são a cores e a sépia;
Elas podem ser paisagísticas;
Elas podem ser de família;
Elas podem ser de amigos;
Elas podem ser de tudo.
Porque essa é a sua essência, desde da sua criação (1826), a de registar um momento para sempre.
E de facto, não importa o tempo que possa ter passado, quando olhamos de novo para uma fotografia, conseguimos recordar aquela cena, aquilo que aconteceu, que vivemos, que sentimos.
A fotografia é uma arte.
Uma boa fotografia é um desafio.
Mas uma fotografia será sempre a vontade de querer captar um momento para sempre.
Porque uma fotografia é isso mesmo, uma janela aberta no presente que nos recorda o passado.

«Fotografar é colocar na mesma linha de mira a cabeça, o olho e o coração.»
Henri Cartier-Bresson
Uma braçada amiga

"O dever do escuta começa em casa."



Foram muitos anos.
Foram alguns lenços.
Foram algumas etapas.
Foram algumas competências.
Foram muitas brincadeiras.
Foram muitos sonhos.
Foram muitos sorrisos e muitas lágrimas.
Foram horas infindáveis de reuniões.
Foram mais 100 noites de campo.
Foram muitos esforços.
Foram muitos sacrifícios.
Foram muitos momentos de partilha e de verdade.
Foram muitos abraços sentidos.
Foram muitos acampamentos e acantonamentos.
Foram momentos únicos e inesquecíveis.
Foram 15 anos gastos por este fantástico ideal…
Onde ganhei imensos amigos.
Onde conheci imensa gente.
Onde dei imenso, mas recebi a triplicar.
Onde a pessoa que sou está fortemente ligada a este ideal e aos seus valores.

A todos vós que conheci durante esta longa jornada, o meu mais sincero
Obrigado.

Uma Canhota amiga e fraterna

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Sigam-me

Calendário

Outubro 2008

D S T Q Q S S
1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031