Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Ainda não acabei

"Quem lamenta as suas perdas, olha para os seus próprios pés. E quem olha para os seus pés, acha que o mundo é do tamanho dos seus passos." August Cury

"Quem lamenta as suas perdas, olha para os seus próprios pés. E quem olha para os seus pés, acha que o mundo é do tamanho dos seus passos." August Cury

Trágica ironia.



Quando.
Quando a tristeza é companheira.
Quando o sorriso é deserto.
Quando o abismo é horizonte.
Quando o céu é inatingivel.
Quando o tempo depressa corre.
Quando tento e não consigo.
Quando deixo de acreditar.
Quando sou e não quero.
Quando penso e não digo.
Quando choro sem motivo.
Quando falo e não sinto.
Quando não o vejo.
Quando não o oiço.
Quando as mãos já não se sabem lá.
Quando o corpo não se toca.
Quando os sentimentos estão congelados.
Quando as ideias se perderam.
Quando estou assim,sem forças.
Quando me sinto preso ao que não compreendo.
Quando a liberdade me sufoca.
Quando o hoje não passa.
Quando o amanhã não chega.
Quando o ontem não volta.
Quando.
Quando tu quiseres.

D'aquela
Uma braçada amiga

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Sigam-me

Calendário

Fevereiro 2008

D S T Q Q S S
12
3456789
10111213141516
17181920212223
242526272829