Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Ainda não acabei

"Quem lamenta as suas perdas, olha para os seus próprios pés. E quem olha para os seus pés, acha que o mundo é do tamanho dos seus passos." August Cury

"Quem lamenta as suas perdas, olha para os seus próprios pés. E quem olha para os seus pés, acha que o mundo é do tamanho dos seus passos." August Cury

Onde está?

Corre o Mundo.
E correm as pessoas.
Passam os dias.
E as horas.
Gasta-se o que se tem.
E o que não se tem.
Para que possamos oferecer.
Aquela prenda.

Mas...

Enchem-se as lojas.
E os carros.
Decoramos as casas.
E as suas varandas.
Fazemos presépios.
E árvores de Natal.
Para que nada falte nesta época.

Mas...

Compra-se o peru.
E o bacalhau.
Convida-se a família.
E os amigos.
Todos à volta da mesa.
Trocam-se presentes.
Palavras e sorrisos.
Partilham-se recordações.


Mas...

Onde está...

...Aquele que une crentes e não crentes nesta noite?

...Aquele que é a origem e a razão desta época?

...Aquele que veio para ricos e pobres?

...Aquele que o Mundo teima em calar, mas que continua a “nascer” em Belém?

Onde está?

Talvez não saibamos responder, porque tornamos o Natal uma época consumista. Porque passou a ser para nós uma banalidade. Mais uns dias de férias.
O mundo continua a não ter lugar para Ele, como não o tinham as estalagens da época...
Onde está a verdade com que vivemos esta época?
Com que verdade consolamos os Homens deste tempo se este Mundo teima em banalizar sentimentos e gestos?

Uma braçada amiga

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Sigam-me

Calendário

Dezembro 2007

D S T Q Q S S
1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031