Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Ainda não acabei

"Quem lamenta as suas perdas, olha para os seus próprios pés. E quem olha para os seus pés, acha que o mundo é do tamanho dos seus passos." August Cury

"Quem lamenta as suas perdas, olha para os seus próprios pés. E quem olha para os seus pés, acha que o mundo é do tamanho dos seus passos." August Cury

Neste banco de jardim...

Neste banco de jardim, olho as pessoas que passam, umas que sorriem, outras que falam, umas estão com uma cara apreensiva, outras vão pensativas...
Neste banco de jardim, olho as pessoas e tento imaginar as suas profissões... Uns serão doutores, outros serão advogados, outros serão estudantes, outros serão funcionários públicos... Será a tanta a variedade e maior ainda a possibilidade de estar errado sobre eles...
Vejo pessoas diferentes e no fundo todas iguais...
Penso na maravilha da criação, quando duas células se fundem e dão origem a um ser único na sua impressão digital, na sua personalidade, no seu ADN, na forma do seu rosto, na forma como se move, na forma como lida com os outros e como enfrenta os mesmos problemas...
Neste banco de jardim, olho cada individuo e as suas caracteristicas fisicas. São rostos que se cruzam comigo, mas que nunca saberei quem são...



Uma braçada amiga

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Sigam-me

Calendário

Fevereiro 2007

D S T Q Q S S
123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728