Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Ainda não acabei

"Quem lamenta as suas perdas, olha para os seus próprios pés. E quem olha para os seus pés, acha que o mundo é do tamanho dos seus passos." August Cury

"Quem lamenta as suas perdas, olha para os seus próprios pés. E quem olha para os seus pés, acha que o mundo é do tamanho dos seus passos." August Cury

Silêncio zeloso

index.jpg

 Hoje compreendo o que significa aquele velha frase:
"Aprendemos a ser filhos, quando somos pais e aprendemos a ser pais quando formos avôs."
Observo o teu rosto sereno enquanto dorme.
E admiro os seus contornos, cada detalhe da tua pele.
Sinto o pulsar do teu coração.
O teu sono é de uma paz quase palpável.
É inevitável não me sentir grato pela tua existência ou conseguir controlar a lágrima que corre pelo meu rosto.
Tu és o melhor de mim, mas não sei  se sou o melhor para ti.
Sei que te darei tudo para que sejas o que desejas e sonhas ser, mas não saberei se porventura isso será o suficiente.
E esta noite apenas te murmuro:
"O que queres tu de mim?"

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Sigam-me

Calendário

Maio 2017

D S T Q Q S S
123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031