Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Ainda não acabei

"Quem lamenta as suas perdas, olha para os seus próprios pés. E quem olha para os seus pés, acha que o mundo é do tamanho dos seus passos." August Cury

"Quem lamenta as suas perdas, olha para os seus próprios pés. E quem olha para os seus pés, acha que o mundo é do tamanho dos seus passos." August Cury

Dicotomia

appleday-tumblr.jpgHoje brindamos à vida!
E às decisões erradas que tomámos.
Aos gestos errados que fizemos (porque os acertados ninguém se lembra).
Às lágrimas que provocámos (porque os sorrisos são "obrigação").
Às palavras que magoaram (porque as que consolaram são "normais").
Às horas que fizemos esperar (porque o contrário não tem interesse).
Às mensagens que não enviamos a dizer "bom dia", "boa noite, "gosto de ti", "tenho saudades tuas".
À falta de paciência que tivemos num determinado momento (porque temos sempre de ter paciência para tudo e todos).
À falta de consideração que tivemos num minuto da nossa existência (porque também tiveram por nós, mas isso não importa).
Às amizades que deixámos "fugir" por entre os dedos (porque quando aceitámos e fomos atrás, isso era a verdadeira amizade).

Hoje brindamos à vida!
Porque na verdade, quando se coloca numa balança as coisas boas e as coisas más, por norma só as más interessam.

E é a elas que nos agarramos para sustentar toda uma decisão e uma postura.

Não somos perfeitos e precisamos de compreender que todos nós só crescemos quando erramos.

2 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Sigam-me

Calendário

Maio 2016

D S T Q Q S S
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031